Conversas de Design com Richard Frinier, o rei do mobiliário de exterior

Conversas de Design com Richard Frinier

 

Considerado o rei do mobiliário de exterior, Richard Frinier passou mais de 30 anos a criar peças de mobiliário, têxteis, iluminação e acessórios, colaborando com grandes marcas como Dedon e Brown Jordan e criando peças que ficarão para sempre na história do design. A sua paixão pelo detalhe e a profunda certeza de que as pessoas precisam de aproveitar o seu tempo, fazem do design de Richard muito mais do que peças de mobiliário – Richard desenha pelas para as pessoas, dando-lhes a possibilidade de aproveitar cada minuto livre.

Com muita simpatia e uma grande autenticidade fomos recebidos por Richard Frinier para a primeira Conversa de Design do nosso blog. Esperamos que ao ler esta entrevista se inspirem tanto como nós ao entrevistar este ícone do design! Muito obrigado Richard e Catherine Frinier por nos possibilitarem esta conversa tão inspiradora!

 

Considered the King of outdoor furniture, Richard Frinier spent over 30 years creating furniture, textiles, lighting and accessories, collaborating with important brands such as Dedon and Brown Jordan and creating designs that will be kept forever on design history. His passion for detail and the deep certainty that people need to enjoy their time, make Richard’s designs much more than furniture pieces – Richard designs are based on people and to people, giving them the opportunity to enjoy every single free minute. 

With a huge sympathy and great authenticity we were warmly welcomed by Richard Frinier for our blog first Design Talk. We hope you get inspired reading this interview as much as we did interviewing this design icon! Thank you so much Richard and Catherine Frinier for making this inspiring Design Talk possible!

Conversas de Design com Richard FrinierDesigner, Richard Frinier | Photo courtesy of DEDON

R&TV: Quando e como percebeu que queria ser designer?
RF: Quando eu era um artista plástico a praticar o meu ofício, pediram-me para desenhar algumas peças de interior. As peças que eu criei que foram seleccionadas e produzidas venderam 9,000 conjuntos. Conjuntos e não peças. Esta foi o meu ponto de viragem, onde passei de artista plástico para artista comercial, porque percebi que ao colaborar com outros, deixamos de ter que fazer tudo sozinhos e de muitas formas é possível concretizar muito mais.

R&TV: When and how did you realize that you wanted to be a designer?
RF: When I was a fine artist practicing my craft, I was asked to design some indoor furniture pieces. The designs I created which were selected and manufactured sold 9,000 sets. Sets not pieces. This was when I transitioned from being a fine artist to a commercial artist, because I realized that if you collaborate with others you do not have to do it all by yourself and in many ways you can accomplish much more.

 

R&TV: O que significa o design para si?
RF: Para mim o design é tudo. É a forma como se vê e se organiza cada detalhe da vida à sua volta.

R&TV: What does design mean to you?
RF: For me, design is everything. It is how you view and arrange every aspect of life around you.

 

R&TV: Como é o seu processo de design desde a ideia até à criação da colecção?
RF: As ideias surgem facilmente para mim. Definir e redefinir é o que é necessário para alargar a criação numa colecção. Eu estou muito envolvido em todas as fases do meu processo de design, que inclui a prática da simplificação. É importante editar o design até que não exista mais nada para retirar.

R&TV: How is your design process from the idea to the creation of the collection?
RF: Ideas come easy for me. Defining and refining is what it takes to expand a creation into a collection. I am very involved in all phases of my design process, which includes the practice of reductive detailing. It is important to edit the designs until there is nothing left to take away.

 

Conversas de Design com Richard Frinier

R&TV: O que o inspira?
RF: A ideia de que todos precisam, e não apenas desejam, uma pausa. Tempo para descomprimir. Tempo para relaxar. Tempo para aproveitar o tempo.

R&TV: What inspires you?
RF: The idea that everyone needs, not just desires, a time out. Time to let it go. Time to relax. Time to enjoy the time between.

Conversas de Design com Richard FrinierDesign: Orbit | Photo courtesy of DEDON

R&TV: O Richard é muitas vezes referido como o “rei” do mobiliário de exterior, tendo trabalhado com importantes marcas como Dedon e Brown Jordan. Porque escolheu o exterior?
RF: Quando se está lá fora, o céu é o limite. Tudo o que é preciso é uma cadeira confortável e tempo para apreciar a vista.

R&TV: You are widely referred to as the ‘king” of outdoor furniture and work with many important brands such as Dedon and Brown Jordan. Why did you choose the outdoors?
RF: When you are outside, the sky’s the limit. All you need is a comfortable chair and the time to enjoy the view.

 

R&TV: Para além disso, em todo o seu trabalho demonstra uma verdadeira paixão por cadeiras. Porquê?
RF: A cadeira é dos objectos mais desafiantes para se criar algo único. Em todas as cadeiras ao longo da história verão que a altura do assento, a largura e a profundidade devem estar todos dentro de poucos centímetros caso contrário, não é confortável ou funcional. O desafio é criar uma cadeira confortável que seja única, autêntica e memorável no seu estilo.

R&TV: Also, on all your work you show a clear passion for chairs. Why?
RF: The chair is one of the most challenging objects to make unique, as for all of the chairs throughout history you will find that the seat height, width and depth must all be within a few centimeters or it is not comfortable or functional. The challenge is to make a comfortable chair unique, authentic and memorable in styling.

Conversas de Design com Richard FrinierDesign: Tango | Photo courtesy of DEDON

R&TV: Viajou para mais de 40 países do mundo. De que forma as suas viagens inspiraram o seu design?
RF: Ao longo dos anos, eu viajei pelo mundo para mais de 40 países entre 5 continentes. Esta experiência alargou a minha imaginação, capturando o que eu via como uma diversidade cultural que rapidamente desaparece. Hoje, é possível viajar pelo mundo à velocidade da internet. O meu design também gosta de viajar. Ele está disponível em mais de 80 países.

R&TV: You travelled to over 40 countries around the world. In which way your travels inspired your designs?
RF: Over the years, I have traveled the world to over 40 countries across five continents. These experiences expanded my imagination and captured what I saw as a rapidly disappearing cultural diversity. Today, you can travel the world at the speed of the internet. Also, my designs like to travel too. They are available in over 80 countries.

 

R&TV:  Criou milhares de peças ao longo de centenas de colecções e recebeu mais de 80 prémios de design e de carreira. Vê-se como um modelo e uma inspiração para a nova geração de designers?
RF: Se vocês medirem a influência pelo número de imitações, então o meu design inspirou outros designers da nossa indústria. Se definirem influência como um professor e mentor, então sim. Eu orgulho-me muito em patrocinar vários programas escolares através de organizações internacionais de design para apoiar alunos e, espero eu, inspirá-los para a próxima geração de designers.

R&TV: You created thousands of designs across hundreds of collections and have received over 80 product design and career achievement awards. Do you see yourself as an influencer and inspiration for a new generation of designers?
RF: If you measure influence by the number of imitations, then my designs have inspired other designers in our industry. If you define influencer as a teacher and mentor, then yes. I take great pride in sponsoring many scholarship programs through international design trade organizations to support students and hopefully inspire them for the next generation of designers.

 

R&TV: O seu mentor foi o icónico Hall Bradley, que desenhou para a Brown Jordan por mais de trinta anos. De que forma ele o influenciou enquanto designer?
RF: Hall Bradley trouxe elegância e graça para o mobiliário de lazer. No início da minha carreira na Brown Jordan, o Hall foi nomeado “Designer Emeritus” e tive a oportunidade e o privilégio de aprender muito com ele. Ele era talentoso, reflexivo e disciplinado no seu processo de design, o que deixou uma marca em mim.

R&TV: Your mentor was the iconic Hall Bradley, who designed for Brown Jordan for over thirty years. How did he influenced you as a designer?
RF: Hall Bradley brought elegance and grace to leisure furniture. Early in my career at Brown Jordan, Hall returned as “Designer Emeritus” where I had the privilege to learn so much from him. He was talented, thoughtful and disciplined in his design process, which left an impression on me.

Conversas de Design com Richard FrinierDesign: Kantan II | Photo courtesy of Brown Jordan

R&TV: A Brown Jordan trouxe a Kantan chair de Tadao Inuoye de volta à produção e criou uma nova versão, a Kantan II, na qual o Richard colaborou com a marca. Como foi o processo de design desta peça e o que ela significou para si?
RF: A Kantan Collection foi desenhada por Tadao Inouye e lançada em 1956. No ano passado, colaborei com a Brown Jordan para relançar o seu já icónico design Kantan, renomeada de Kantan II e agora em latão tubular. Como parte do redesign, fizemos várias modificações nas proporções relativamente ao original, uma vez que o assento e a altura da mesa tiveram que ser adaptadas às preferências do estilo de vida dos dias de hoje. Lançamos também uma versão mais recente usando um material exclusivo da Brown Jordan, o Suncloth Strap e adicionamos uma cadeira de baloiço e uma bandeja/tampo única para a mesa. Está também disponível em tiras de couro que trazem uma experiência muito luxuosa à peça.

R&TV: Brown Jordan brought the Tadao Inuoye Kantan chair back into the line and created a new version of it, Kantan II, which you collaborated on with the brand. How was the design process of this piece and what did it mean to you?
RF: The Kantan Collection was designed by Tadao Inouye and introduced in 1956. Last year, I collaborated with Brown Jordan to reissue their already iconic Kantan design renamed Kantan II, but this time in tubular brass. As part of the redesign, we made several changes to the proportions from the original as the seating and table heights were adjusted for today’s lifestyle preferences. We also launched the newer version using Brown Jordan’s exclusive Suncloth Strap material and added a rocking chair and a unique tray/tabletop for the occasional table. It is also available with leather strapping that brings a very luxurious experience.

 

R&TV: Quais são os designers que mais o inspiram?
RF: Quando eu fui director criativo na Brown Jordan, senti uma grande responsabilidade em seguir os passos dos designers que vieram antes de mim. Hall Bradley, Tadao Inouye, Don Colby e John Caldwell. Hoje, estou espantado com o talento de designers que descobriram recentemente o mobiliário de exterior de lazer. Para além disso, inspira-me muito o talento e a visão de criativos como Jean-Marie Massaud e Antonio Citterio.

R&TV: Which designers inspire you the most?
RF: When I was the chief creative officer and creative director for Brown Jordan, I felt a deep responsibility to follow in the footsteps of the designers who came before me. Hall Bradley, Tadao Inouye, Don Colby and John Caldwell. Today, I am just amazed by the talented designers that have recently discovered outdoor leisure furniture. Also, I am very inspired by the talent and vision of creatives like Jean-Marie Massaud and Antonio Citterio.

 

R&TV: Tudo o que temos é tempo. Como você usa o seu?
RF: A tirar férias de cinco minutos o mais frequentemente possível. : )

R&TV: All we have is time. How do you spend yours?
RF: Taking five-minute vacations as often as I can. : )

 

Comentários